fbpx
O que é Black Friday? Black Friday Brasil

O que é Black Friday? Black Friday Brasil

O que é Black Friday? Respondendo a pergunta: traduzindo do inglês para o português, Black Friday seria o mesmo que Sexta-Feira Negra. Mas a Black Friday não é bem isso, Black Friday é o dia em que o varejo (lojas que vendem direto ao consumidor final) colocam vários produtos em promoção com 70%, 80% de desconto, ou até mais. A Black friday começou nos Estados Unidos e já se espalhou para outros países. A Black friday Brasil, por exemplo, existe desde 28 de novembro de 2010 e foi totalmente online.

O sucesso da Black Friday chegou a tal ponto que algumas pessoas chegam a acampar em frente as lojas participantes para pegaram as melhores promoções. Diante desse sucesso, a Black Friday vem sendo adotada por vários países do globo.

O que é black friday? Brlack friday Brasil - sul de minas - agência de publicidade

Onde a Black Friday foi criada?

A Black Friday foi criada nos Estados Unidos para dar nome a ação de vendas anual que acontece na sexta-feira após o feriado de Ação de Graças (feriado americano), resumindo, tudo isso ocorre na quarta sexta-feira do mês de Novembro. Assim também ocorre na Black friday Brasil.

A Black Friday é uma das datas mais agitadas do varejo no Brasil. No dia da black friday, as lojas abrem bem cedo, algumas às 05:00 horas (cinco horas da manhã), tudo para atrair o maior número de consumidores através das promoções.

Na Black Friday se compra antecipadamente para presentear no natal

A Black Friday é também é conhecida por dar início à temporada de compras de natal. A popularidade do evento é grande, sendo que os descontos oferecidos na Black Friday, são considerados por muitos consumidores, como descontos mais atrativos do que os descontos dados na época do natal. Informação essa que tira a pergunta “o que é black friday?” totalmente de sua tradução literal, ou seja, não há nada de negro nesse dia, somente alegria.

A primeira Black friday Brasil

A primeira Black friday Brasil aconteceu no dia 28 de novembro de 2010 e foi totalmente online. A data reuniu mais de 50 lojas do e-commerce para varejo nacional.

Nesse black friday 2015 a espera é de uma adesão de vários seguimentos do comércio e de serviços.

Faturamento do Black friday Brasil (2011,2012, 2013 e 2014)

Infográfico black friday

Black Friday 2011

Rendeu um faturamento de 100 milhões para o e-commerce brasileiro, representando um incremento de 80% em relação ao ano de estreia país.

Black Friday 2012

Em mais de 300 lojas virtuais e foi a primeira vez que lojas de decorações participaram do evento. A “Black Friday” de 2012 foi encerrada com faturamento total de R$ 243 milhões

Black Friday 2013

A Black Friday de 2013, mais uma vez bateu recorde de vendas, contemplando a venda tanto de bens, como produtos diversos, imóveis, carros, artigos infantis; utilidades domésticas, quanto de serviços, como turismo, festas infantis e comunicação.

Segundo a E-bit, empresa especializada em informações do e-commerce, o evento movimentou R$ 770 milhões, quebrando os recordes de faturamento em um único dia, e foi responsável por um crescimento nominal de 217%, na comparação com o ano passado.

Em 2013, os produtos mais almejados são televisores e smartphones. A média de desconto para aparelhos celulares foi de 16%, e para televisores chegou a 19%.

Black Friday 2014

Segundo a consultoria E-Bit, em 2014, a data gerou R$1,2 bilhão somente na internet, que corresponde a 3,5% do faturamento anual, consolidando assim, a Black Friday Brasil como uma das datas mais importantes para o comércio online.

Black Friday 2015

Mesmo com um cenário de crise econômica, o comércio eletrônico e geral brasileiro continua a crescer e, na Black Friday 2015, as compras deverão seguir subindo, atingindo a maior cifra do ano novamente. Novos recordes de venda deverão acontecer. As lojas virtuais (e-commerce) que se prepararam para a data deverá colher os melhores resultados.

Curiosidades da Black Friday

Site americano contabiliza os mortos e feridos nas lojas durant e Black Friday EUA

Mais uma curiosidade é que um site americano chamado Black Friday Death Count contabiliza os mortos e feridos nas lojas durante esse dia, onde a loucura toma conta do povo americano em busca dos descontos.

Vamos torcer para que na Black Friday 2015 os números seja zero. Para que quando se perguntarem o que é black friday, se responda como se espera do evento, um sucesso de venda para o comércio e para os consumidores

Para evitar praticas fraudulentas na Black Friday

Para evitar praticas fraudulentas como a maquiagem de preços e falsos descontos, a câmara brasileira de comércio eletrônico (Câmara e-net), criou o código de ética para a Black Friday, e publicou uma lista com as lojas participantes que foram regulamentadas segundo as normas da cláusula. Na Black Friday 2015 espera-se um comportamento diferente de todas as partes envolvidas. Lembrando que maquiagem de preço não compactua com o modelo americano nem responde ao cliente o que é black friday.

O evento Black Friday Brasil

O evento Black Friday Brasil não tem regulamentação oficial, nem organização centralizada. Lembrando que o caso acima citado da Câmera e-net, não trata de uma instituição oficial de governo ou uma instituição com poder de regulamentação. Qualquer empresa, tanto virtual, quanto física pode fazer promoções com o nome Black Friday, não precisa ter nem ideia do que venha significar o que é black friday.

Nos sites de pesquisa na internet, como o Google, a procura pela palavra-chave ‘‘Black Friday’’, em 2013, cresceu mais de 300% em relação a 2012, isso fez com que as agências de publicidade para e-commerce e ou agências de publicidade com serviços para black friday ramo em geral a se colocarem como centrais oficiais do evento.

Após o sucesso de vendas da Black Friday, o Cyber Monday também foi importado para o Brasil

O Google concentrou praticamente 94% de todas as buscas no Brasil

O Google concentrou praticamente 94% de todas as buscas no Brasil

O brasileiro é um dos povos do mundo que mais tempo fica conectado na internet e pesquisas apontaram que o Google Brasil permaneceu em primeiro lugar entre os buscadores mais utilizados no país, registrando 93,66% de todas as buscas, conforme buscas realizadas no período de quatro semanas consecutivas terminado em 28 de junho de 2014, tudo isso de acordo com a Hitwise, ferramenta líder global de inteligência em marketing digital da Serasa Experian (http://www.experian.com/hitwise/).

Tabela de comparação dos principais sites de busca

Em segundo lugar em participação nas buscas no país em junho está o Google.com, com 2,96%, seguido de Bing.com, com 1,56%. Ask.com aparece em quarto lugar, com 1,07%, e o Yahoo! Brasil em quinto, com 0,64%, da preferência dos usuários.

Site de buscas - Google é o melhor

0,64 % pode parece pouco, mas seria o sonho de muitos sites ter um público desses

Imaginando que a cada 1.000 (mil) pesquisas, 6,4 pessoas a fazem pelo Yahoo. Isso para um e-commerce, pode ser crucial, pois volume e qualidade não andam de mãos dadas, quando falamos de pesquisas pela internet. No caso, 6,4 pessoas, pode representar um belo percentual de negócios, haja visto que o custo é menor nesses casos. Ou seja, ir ao mecanismo de maior audiência significa mais audiência, mas significa pagar mais caro também.

Importância da pesquisa

Para pessoas e ou empresas que trabalham com internet, a base que os dados apontam, é suficiente para se estabelecer um norte para um planejamento de aquisição de novos visitantes e ou exposição de produtos / serviços.

Segmentar é necessário

Concentrar toda a força em uma só plataforma, pode representar um grande perigo. Existe um ditado sábio para isso “toda unanimidade é burra”. Segmentar é necessário e vital. Partindo do vital, pode até ser mais lucrativo e menos oneroso. Nesse mesmo raciocínio, se pegamos uma plataforma top de audiência, pela lógica ela seria mais cara do que as demais, para realização de propagandas.

O Google,é o melhor, mas não é o único

O Google, é o melhor, a pesquisa documentou isso, mas ele não é o único. O Yahoo, por exemplo, por menor que tenha sido seu resultado, existe um público que usa sua ferramenta de busca. 

Capitação muito mais eficiênte

Nós profissionais do marketing, queremos converter as ações publicitárias em contatos, envolvimento ou venda aos produtos e ou serviços de nossos clientes. Cumprir isso no Google pode significar um êxito muito grande, mas seria maior ainda, se conseguíssemos alinhar os mesmos percentuais de êxito em todas os mecanismos de buscas, fazendo uma cobertura total, o que seria uma capitação muito mais eficiênte.

Planejamento bem feito, investimento com retorno garantido

Percebemos que qualquer investida publicitária deve vir precedida de um planejamento prévio, minucioso e documentado. Por isso, a importância de se ter uma metodologia própria para criação das melhores campanhas publicitárias. Pois estabelecidas as ações, o próximo passo deve ser a conversão daquilo em negócios para o cliente.

Tudo que sua empresa precisa para um marketing digital.

  • SEO (Otimização de Sites): são técnicas que ajudam a posicionar melhor seu site, nas pesquisas dos sites de busca. E o clique não é pago, diferente do Google Adwords.
  • Google Adwords (Links Patrocinados): é a forma mais instantânea de se aparecer nas melhores colocações do Google, mas se paga a cada clique recebido, no caso do SEO o clique não é cobrado.
  • Redes Sociais: uma rede social bem administrada e com conteúdos interessantes, capita muitos seguidores e envolve-os, criando uma super ferramente persuasiva, facilitando mecanismos de geração de negócios.
  • Planejamento Digital: saber atuar e estar presente na internet de modo a transformá-la em uma ferramenta de negócios é como o ar que se respira, para quem quer sobreviver nesse meio.
  • E-mail marketing: talvez a mais poderosa ferramente que existe, pois a ação publicitária é específica e vai direto na caixa de e-mail do cliente.
  • Produção de infográficos: o infográfico resume a máxima de que imagens falam muito mais que palavras. Ter imagens intuitivas que levam o raciocínio de quem vê exatamente ao ponto que se quer chegar.

Veja nossos serviços de marketing clique aqui