O brasileiro é um dos povos do mundo que mais tempo fica conectado na internet e pesquisas apontaram que o Google Brasil permaneceu em primeiro lugar entre os buscadores mais utilizados no país, registrando 93,66% de todas as buscas, conforme buscas realizadas no período de quatro semanas consecutivas terminado em 28 de junho de 2014, tudo isso de acordo com a Hitwise, ferramenta líder global de inteligência em marketing digital da Serasa Experian (http://www.experian.com/hitwise/).

Tabela de comparação dos principais sites de busca

Em segundo lugar em participação nas buscas no país em junho está o Google.com, com 2,96%, seguido de Bing.com, com 1,56%. Ask.com aparece em quarto lugar, com 1,07%, e o Yahoo! Brasil em quinto, com 0,64%, da preferência dos usuários.

Site de buscas - Google é o melhor

0,64 % pode parece pouco, mas seria o sonho de muitos sites ter um público desses

Imaginando que a cada 1.000 (mil) pesquisas, 6,4 pessoas a fazem pelo Yahoo. Isso para um e-commerce, pode ser crucial, pois volume e qualidade não andam de mãos dadas, quando falamos de pesquisas pela internet. No caso, 6,4 pessoas, pode representar um belo percentual de negócios, haja visto que o custo é menor nesses casos. Ou seja, ir ao mecanismo de maior audiência significa mais audiência, mas significa pagar mais caro também.

Importância da pesquisa

Para pessoas e ou empresas que trabalham com internet, a base que os dados apontam, é suficiente para se estabelecer um norte para um planejamento de aquisição de novos visitantes e ou exposição de produtos / serviços.

Segmentar é necessário

Concentrar toda a força em uma só plataforma, pode representar um grande perigo. Existe um ditado sábio para isso "toda unanimidade é burra". Segmentar é necessário e vital. Partindo do vital, pode até ser mais lucrativo e menos oneroso. Nesse mesmo raciocínio, se pegamos uma plataforma top de audiência, pela lógica ela seria mais cara do que as demais, para realização de propagandas.

O Google,é o melhor, mas não é o único

O Google, é o melhor, a pesquisa documentou isso, mas ele não é o único. O Yahoo, por exemplo, por menor que tenha sido seu resultado, existe um público que usa sua ferramenta de busca. 

Capitação muito mais eficiênte

Nós profissionais do marketing, queremos converter as ações publicitárias em contatos, envolvimento ou venda aos produtos e ou serviços de nossos clientes. Cumprir isso no Google pode significar um êxito muito grande, mas seria maior ainda, se conseguíssemos alinhar os mesmos percentuais de êxito em todas os mecanismos de buscas, fazendo uma cobertura total, o que seria uma capitação muito mais eficiênte.

Planejamento bem feito, investimento com retorno garantido

Percebemos que qualquer investida publicitária deve vir precedida de um planejamento prévio, minucioso e documentado. Por isso, a importância de se ter uma metodologia própria para criação das melhores campanhas publicitárias. Pois estabelecidas as ações, o próximo passo deve ser a conversão daquilo em negócios para o cliente.

Tudo que sua empresa precisa para um marketing digital.

  • SEO (Otimização de Sites): são técnicas que ajudam a posicionar melhor seu site, nas pesquisas dos sites de busca. E o clique não é pago, diferente do Google Adwords.
  • Google Adwords (Links Patrocinados): é a forma mais instantânea de se aparecer nas melhores colocações do Google, mas se paga a cada clique recebido, no caso do SEO o clique não é cobrado.
  • Redes Sociais: uma rede social bem administrada e com conteúdos interessantes, capita muitos seguidores e envolve-os, criando uma super ferramente persuasiva, facilitando mecanismos de geração de negócios.
  • Planejamento Digital: saber atuar e estar presente na internet de modo a transformá-la em uma ferramenta de negócios é como o ar que se respira, para quem quer sobreviver nesse meio.
  • E-mail marketing: talvez a mais poderosa ferramente que existe, pois a ação publicitária é específica e vai direto na caixa de e-mail do cliente.
  • Produção de infográficos: o infográfico resume a máxima de que imagens falam muito mais que palavras. Ter imagens intuitívas que levam o raciocínio de quem vê exatamente ao ponto que se quer chegar.